Menu

Coisas da Léia no ClicRBS e Hora de SC

Essa semana duas jornalistas do Jornal Hora de SC e do ClicRBS estiveram aqui em casa para gravar um “Faça você mesmo” da almofada Carmen Miranda, feita em tecido e papel transfer. Foram super simpáticas o que me ajudou muito na gravação. Adorei o resultado final.

Veja a matéria completa aqui...

jornal

Jornal Hora de Santa Catarina – 03/11/2015

Passo a passo

Material:

  • 2 pedaços de tecido floral de 41cm x 41cm e 41cm x 25cm
  • 1 pedaço de tecido poá 41cm x 35cm
  • 1 pedaço de algodão branco ou brim 25cm x 25cm (tem que ser 100% algodão)
  • Tesoura
  • Cola de tecido
  • Papel transfer
  • Ferro de passar
  • Enchimento de almofada
  • Gregolê (um tipo de passanamaria)
  • Alfinetes
  • Linha e agulha

Modo de fazer:

  1. Numa impressora comum, imprima a imagem da Carmen Miranda no papel transfer. Clique aqui para fazer o download da imagem. Do papel, passe para o tecido de algodão branco. Para isso, ponha o desenho sobre o pano, com a imagem para baixo. Pressione com o ferro de passar bem quente, depois puxe devagar, para garantir que o desenho ficou no tecido. Veja o passa a passo completo do transfer aqui. Recorte o tecido no formato do desenho, deixando 1 cm do branco.
  2. Com cola para tecido, cole o desenho no pedaço de tecido poá de 41cm x 25cm. Faça uma bainha no tecido e costure o gregolê para fazer o acabamento.
  3. Monte a almofada da seguinte forma: o tecido floral 41cm x 41cm com o lado certo virado para cima. Por cima e com o lado certo virado para baixo, o outro pedaço do tecido floral e o de poá, de forma que o floral passe por cima do poá, para que na hora de desvirar, o desenho de Carmen Miranda fique para o lado de fora. Coloque alfinetes e costure os quatro lados.
  4. Desvire, encha a almofada e está pronto!
Dicas:
  1. Você pode lavar a almofada depois de 48 horas, mas não passe o ferro sobre o desenho.
  2. Invente outras almofadas com motivos infantis, ficam bem interessantes no quarto das crianças.
  3. Não tem máquina de costura? não tem problema, use a cola de tecido nos locais onde ficam as costuras.

 

2 comentários
  1. Fátima Ramos

Deixe seu comentário!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *