Menu

A energia da lavanda

lavandaA Lavanda ou Alfazema, pela sua tonalidade lilás e aroma marcante, é uma planta conhecida no mundo inteiro, principalmente na fabricação de cosméticos. Amplamente utilizada na composição de perfumes, dizem que a cada dez perfumes produzidos, oito levam o óleo de lavanda em suas composições.

Fresca ou seca, serve também como especiaria na preparação de alguns pratos, porém nem todas as espécies são usadas na culinária, a mais comum para esse uso é a lavanda inglesa que é aromática e doce e menos canforada que a francesa.

De fácil cultivo se adapta muito bem ao nosso clima temperado, principalmente na região sudeste.

Mesmo quando seca ela continua exalando seu perfume. Experimente amassar e cheirar algumas flores ou folhas, seu perfume é calmante e nostálgico.

Como cultivar a lavanda

Deve ser plantada em solo fértil e aerado, para isso use areia na composição. Gosta de solo úmido mas não encharcado e necessita de muito sol para a sua floração. A adubação deve ser apenas uma vez por ano na proporção NPK 4-14-8 ou adubo para flores.

Propriedades terapêuticas

Analgésico, anticonvulsivo, antidepressivo, anti-inflamatório, anti-reumático, antiinflamatório, anti-séptico, antiespasmódico, antiviral, bactericida, combate os gases intestinais, cicatrizante, revigorante, egenerador de tecidos, descongestionante, desodorizante, desintoxicante, diurético, facilita o fluxo menstrual, fungicida, diminui a pressão harterial, fortificante, sedativo e sudorífero.

Óleo de lavanda Relaxante

Junte 20 folhinhas com 2 colheres de óleo mineral. Amasse com um socador e deixe descançar por 3 horas. Passe no corpo durante o banho.

5 comentários
  1. Lili ribeiro

Deixe seu comentário!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *